Maximos Informática

Apple x Google x Microsoft: a batalha do milênio

Apple x Google x Microsoft: a batalha do milênio [ilustração]

Tablets, sistemas operacionais, smartphones e notebooks: quem será o grande vencedor na guerra entre as gigantes do mundo da tecnologia?

O mundo da tecnologia está prestes a vivenciar uma “guerra” sem precedentes. Pela primeira vez na história, todas as atenções parecem convergir para três grandes empresas que, de maneira imponente, conseguiram centralizar a preferência do consumidor por seus produtos.

Apesar das circunstâncias, que colocam as empresas como líderes em diferentes segmentos,AppleGoogle e Microsoft devem iniciar 2013 em pé de igualdade na disputa por fatias de mercado. Smartphones, tablets, sistemas operacionais, notebooks e desktops: nada parece escapar das mãos das gigantes do mundo tecnológico.

Mas em quais condições cada uma das empresas entra na disputa pelo público? Quais produtos vão ganhar a atenção dos consumidores e se consolidar como os principais equipamentos no próximo ano? Independente do resultado, uma coisa é certa: não vão faltar opções de compra para você.

Round 1: Sistemas Operacionais

Por muitos anos, a Microsoft reinou absoluta quando o assunto era sistema operacional. Ao menos nos desktops e notebooks, sua liderança permanece inabalável, embora os concorrentes, em especial a Apple, tenham crescido bastante nos últimos anos.

Entretanto, o lançamento do Windows 8 promete ser um divisor de águas para a companhia. Pela primeira vez, a empresa liderada por Steve Ballmer tentará integrar aquilo que é visto nos PCs com o sistema que é executado em tablets e smartphones. A grande base de usuários pode ser um diferencial para que o público opte por um tablet da empresa na hora de decidir a compra de um produto.

A Microsoft pretende adotar a mesma estratégia iniciada pela Apple, que conseguiu integrar aos poucos e de maneira bastante natural seus smartphones e tablets com o SO que é executado em notebooks e desktops.

Entretanto, se em PCs a Google ainda é um peixe pequeno na briga, em se tratando de sistemas operacionais mobile o Android é um dos grandes trunfos da companhia. A disputa com o iOS, da Apple, é bastante acirrada, com uma ligeira vantagem para o robozinho verde. A chegada do Windows Phone 8 ao mercado promete tornar a briga ainda mais quente.

Round 2: Tablets

No segmento de tablets, a Apple é a grande estrela. O iPad, lançado há menos de dois anos, praticamente abriu o mercado e, desde então, os demais correm atrás da empresa da Maçã, tentando se adaptar às estratégias criadas por ela. Apesar de se manter confortável na primeira posição, os concorrentes já mostraram que não estão para brincadeiras.

(Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft )

O principal oponente a longo prazo parece ser o Surface, da Microsoft. O tablet aposta no Windows 8 e na migração de uma ampla base de consumidores que já utilizam o SO da empresa em notebooks e desktops para conquistar de forma rápida uma fatia considerável de mercado. Além disso, com ótima configuração e visual elegante, a empresa pretende brigar pela ponta em um futuro próximo.

Não muito atrás vem a Google, com o seu novo Nexus 7. O tablet não se propõe a ter o melhor hardware entre todos, mas aposta no baixo preço para ganhar volume de venda e se posicionar entre os mais procurados. Além disso, o SO da empresa está presente em aparelhos de diversas outras marcas, o que torna o Android um concorrente a ser temido por todos quando o assunto são os slates.

Round 3: Smartphones

A exemplo dos tablets, a Apple também detém uma posição de referência quando o assunto é smartphone. Embora o Android seja ligeiramente mais popular do que o iOS, o iPhone ostenta o título de smartphone mais vendido do mundo, o que por si só mostra a força da Apple.

(Fonte da imagem: Divulgação/Google )

Por outro lado, a Google amplia a cada dia o seu poder de penetração junto aos consumidores, conseguindo disponibilizar o seu sistema operacional em smartphones com preços a partir de R$ 300. A Microsoft, que demorou muito para entrar no segmento, aposta em uma parceria com a Nokia para trazer aparelhos de qualidade, mas só com o lançamento do Windows 8 é que as possibilidades de integração com os PCs poderão ser colocadas à prova.

Incerto, esse talvez seja o mercado mais equilibrado na disputa entre Google e Apple. A Microsoft corre por fora e pode ser o fiel da balança, tomando usuários os iOS e do Android. Entretanto, um fracasso nessa investida pode significar de uma vez por todas o fim do sonho de ser uma das grandes do mundo dos smartphones.

Round 4: Notebooks e Ultrabooks

O recente mercado de ultrabooks ainda vive à sombra do MacBook Air. O modelo lançado pela Apple, mais uma vez, parece se encaminhar para uma tendência, com computadores mais leves e mais potentes. Por conta disso, a chegada forte dos ultrabooks aos consumidores deve beneficiar diretamente a Microsoft.

(Fonte da imagem: Divulgação/Apple )

Já entre os notebooks, a empresa liderada por Steve Ballmer permanece confortável na liderança, embora com números estagnados. Ao menos por enquanto, o crescimento de vendas da Apple ainda não chega a incomodar, mas deve ser visto com cautela pela Microsoft.

Leia mais em: http://www.tecmundo.com.br/mercado/26243-apple-x-google-x-microsoft-a-batalha-do-milenio-ilustracao-.htm#ixzz1zrp7sZ4X

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s